Movendo Atitudes

Calendário de Eventos

Novembro 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

Inventividade

Daniel Tres D

Daniel Tres D

Daniel Tres D Daniel Tres D

Nome completo: Daniel Almeida Santos

Idade: 27 anos

Profissão/formação: Motion Designer / Computação Gráfica, Cinema, Fotografia.

Hobby: Dança, Skate e Kung Fu.

 

 

 

 

 

Movendo Atitudes: Dos 4 elementos que compõem a cultura Hip Hop (Breaking, MC, DJ e GRAFFIT), você tem relação direta com o Breaking e Graffit, conte-nos como surgiu isso na sua vida e como você enxerga o cenário para essas atividades hoje?

Daniel Almeida: Vi o movimento acontecer numa festa no centro cultural Vila Nogueira e me interessei pela dança Breaking, logo em seguida me inscrevi nas oficinas culturais com o professor Banks, a partir daí me tornei BBoy (dançarino de Breaking). O Graffiti passei por uma fase nessa mesma época, o interesse foi natural por eu já ter gosto pelo desenho, fiz algumas aulas com o Tota, mas parei de pintar nos muros por volta de 2004.

MA: Com o que você trabalha e quais são as suas atividades atualmente?

D.A: Trabalho fixo com animação, num estúdio de Design chamado Consulado, voltado pro mercado publicitário, em paralelo as vezes faço design de divulgação pra cia. de dança Discípuos do Ritmo entre outros eventos de dança, vídeos e fotografias.

MA: Você já participou de vários festivais e apresentações. Qual foi seu trabalho mais marcante como dançarino de Breaking?

D.A: É difícil definir um trabalho, considero momentos marcantes, algumas apresentações e competições. Uma apresentação seria a primeira na Back Spin Crew no aniversário de 16 anos do grupo em 2001,foi uma grande responsabilidade; Em competição foi no Passo de Arte em Santos 2003, junto com o Casper ficamos em segundo lugar em dupla de Breaking, tinha BBoys do Brasil inteiro e disputamos durante dois dias, em 2009 com um grupo formado entre amigos, Back to the Streets,  conquistamos o primeiro lugar no LG BBoy Championship Brasil, eu tive uma lesão no ombro uma semana antes e mal podia levantar o braço, em seguida machuquei um dedo da mão, mas competi mesmo assim! Depois fomos representar o Brasil na etapa América Latina na Colômbia.

MA: Conte pra nós como foi trabalhar na produção da animação “Uma História de Amor e Fúria”, com lançamento previsto para abril de 2013. Qual foi seu papel dentro desse longa-metragem?

D.A: É um filme muito especial para o cenário brasileiro de animação. Trabalhei durante 3 anos e meio, fiz parte da equipe de Composição de Cena, sendo o processo de juntar o material de personagens animados com cenários, equilibrar luzes e sombras entre eles, efeitos e câmeras. Fui também responsável pelo render final do filme (exportação de arquivos em alta resolução para transferência para película), e créditos (composição e animação). O site está no ar junto com o trailer oficial em http://www.umahistoriadeamorefuria.com.br/

MA: Em que medida a formação no Instituto Criar, Escola São Paulo e no Museu de Arte-Moderna contribuíram para compor o profissional que você é hoje? O que você destacaria ter sido um diferencial nesse processo de aprendizagem?

D.A: Tudo tem uma relação entre si. O Instituto Criar foi o passo inicial para minha entrada na área audiovisual, garantiu meu primeiro estágio em 2006 no estúdio Terpins Greco, e durante a produção da séria em stop motion "Batalha - A Guerra do Vinil", conheci o diretor de fotografia Marcelo Greco que vendo meu interesse por fotografia e sendo professor no MAM me concedeu uma bolsa pro módulo básico em 2008. No mesmo ano o estúdio já não funcionava, um dos donos, meu amigo Daniel Greco me chama para trabalhar no filme "Uma História de Amor e Fúria", na época com o título "Lutas", produção da Buriti Filmes, e lá foi por onde consegui o curso de Cinema! A Escola São Paulo ofereceu bolsa integral para funcionários e cursei em 2010. O destaque disso tudo é que com interesse e esforço consegui estudar as coisas que gosto, uma deu continuidade a outra, fiz muitas amizades que geraram oportunidades em boas escolas, as experiências e o contato com bons profissionais me ajudaram em conhecimento, mas tudo depende de muita prática além da sala de aula nessas áreas.

MA: A fotografia também faz parte da sua vida, o que você gosta mais de fotografar? O que te inspira?

D.A: Gosto de fotografar movimento, dança, pessoas em situações comuns, a cidade, a praia, inspiração é a qualquer momento, onde vejo beleza e uma boa composição a ser feita. Fiz um curso de fotografia de moda ano passado (2012), aprendi muita coisa e como dirigir modelo por exemplo, estudar as formas do corpo, poses, essa relação direta com a pessoa para conseguir uma imagem é muito boa.

MA: Entre essas várias atividades que você já trabalha/trabalhou como: skate, hip hop, fotografia, animação etc. Existe algo que você ainda deseja fazer, mas que ainda não teve oportunidade? Por quê?

D.A: Sempre quero aprender algo novo! Quero aprender outra dança, dentro das danças urbanas o Locking e House estou caminhando aos poucos, mas uma dança de salão ainda é um objetivo, algo diferente como o Tango. No esporte ainda vou fazer natação, pois nunca tive uma aula, e quem sabe um Surf depois. No momento estou estudando por conta própria caligrafia, tipografia e design, que por mais que eu trabalhe na área, não tenho formação acadêmica em Design, e estou cursando Desenho, nunca fiz nenhum curso específico, ou seja, decidi ver todas as bases fundamentais para melhorar meu trabalho. Pretendo voltar a dar aula de dança um dia, voltar a fazer aula de Yoga e um curso superior ainda sem definição… Viajar pelo mundo pra conhecer outras culturas, aprender mais um idioma além do Inglês, o espanhol é o próximo. Sempre surgem ideias novas, é importante estar em constante aprendizado trabalhando o corpo e a mente.

MA: Onde podemos conhecer melhor seu trabalho?

D.A: Vídeos http://vimeo.com/danieltresd

Fotos http://www.flickr.com/photos/danieltresd/

 

 

Voltar

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or